MPF pede impugnação de candidatura do ex-prefeito de Serrinha


O Ministério Público Federal (MPF) na Bahia pediu a impugnação da candidatura do ex-prefeito de Serrinha, Osni Cardoso de Araújo (PT), que está concorrendo ao cargo de deputado estadual pela coligação "Time do Trabalho pela Bahia". O ex-prefeito teve contas rejeitadas pela Câmara de Vereadores em 2017, por improbidade administrativa (crime contra a administração pública) durante a gestão de 2015 (lembre aqui).

Ele teria feito altas despesas com assessoria tributária, não ressarcindo o município de forma devida. Na época, a câmara condenou Osni Cardoso a ressarcir os cofres do município com a quantia de aproximadamente R$ 15 milhões. O ex-prefeito, no entanto, ainda deve pagar ao município aproximadamente R$ 8 milhões, referentes às contas iniciais da multa prevista.

Tecnologia do Blogger.