Discussão sobre dívida de R$ 2 milhões termina com pai suspeito de atirar em filho no MS


Um pai é suspeito de atirar no próprio filho depois de ser pressionado pelo rapaz para pagar uma dívida de R$ 2 milhões. De acordo com o G1, o homem de 55 anos teria feito a dívida no nome do filho de 28. O crime aconteceu na região central de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. 

A mãe do rapaz, que preferiu não ser identificada, contou que o filho não aceita a manobra feita pelo pai e pediu a ele para que o seu nome não ficasse mais sujo. Segundo ela, o homem chegou a expulsar o rapaz de casa e internar o filho em um hospital psiquiátrico após constantes discussões e ameaças. A mulher também afirmou que o ex-marido é um homem agressivo e que já praticou violência física quando os dois eram casados. 

Após receber o tiro, o rapaz foi atendido pelo Samu e Corpo de Bombeiros e levado para um Santa Casa da região. Ainda de acordo com o G1, o quadro do homem de 28 anos segue estável e ele se encontra consciente e orientado. 

Clique aqui e siga-me no instagram!
Tecnologia do Blogger.