6 mil estudantes foram prejudicados por falhas na correção do Enem

Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou ontem (20) que os erros na correção das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) afetaram "entre 5 mil e 6 mil" candidatos e se concentrou em Minas Gerais. As declarações ocorreram durante entrevista à "Rádio Gaúcha", Weintraub reiterou que o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) será aberto hoje (21).
De acordo com Weintraub, o problema ocorreu devido a uma falha mecânica da máquina impressora que confere o gabarito da folha de respostas de todos os vestibulandos. Quatro cidades mineiras teriam sido afetadas, informou o ministro.
O governo deixou de receber reclamações de participantes sobre as notas do Enem 2019, apenas mensagens enviadas até as 10h de ontem (20) serão analisadas.
Tecnologia do Blogger.