Morre em Wuhan médico chinês que alertou autoridades sobre a existência do coronavírus

Foto: Divulgação

O médico chinês Li Wenliang, apontado como um dos primeiros a identificar a existência do surto do coronavírus, morreu ontem (6) no Hospital Central de Wuhan, após ser infectado pela doença.
"Li Wenliang, oftalmologista do nosso hospital, infelizmente infectado na luta contra a epidemia do novo coronavírus, [...] morreu às 2h58 de 7 de fevereiro de 2020 (1h58 de 6 de fevereiro no horário de Brasília). Lamentamos profundamente", escreveu a unidade de saúde, em nota.
Li Wenliang foi um dos primeiros médicos a alertar as autoridades sobre o coronavírus. Ele tinha 34 anos e foi um dos oito profissionais de saúde que a polícia chinesa investigou sob acusação de “espalhar boatos” relacionados à epidemia.
Tecnologia do Blogger.