Pico do coronavírus no Brasil deve ser no final de abril, diz infectologista

Imagem: Reprodução / Google

O infectologista Fernando Bozza, da Fiocruz, estimou em entrevista ao Estadão que o pico da epidemia do novo coronavírus no Brasil ocorra entre os dias 25 e 30 de abril.

De acordo com o pesquisador, é essencial que as medidas de isolamento no país sejam mantidas de forma rigorosa pelas próximas duas semanas.


“O isolamento funciona e está funcionando. O cenário era para ser pior, não há a menor dúvida”, afirmou Bozza.  “É agora que precisamos ter mais cuidado: o único trunfo que temos agora é o isolamento. Se afrouxarmos essas medidas, não haverá leitos para todos. O pior ainda está por vir.”


Outros especialistas, porém, advertem que parte do crescimento controlado pode ser atribuído também à subnotificação e à demora na notificação dos casos.

Tecnologia do Blogger.