Brasil tem quatro estados e oito capitais com ocupação acima de 90% de leitos de UTI

Foto : Robert Lannom Jr/US NAVY

Ao menos quatro estados brasileiros já têm mais de 90% dos leitos de terapia intensiva destinados ao tratamento de pacientes com Covid-19 ocupados. Os dados foram divulgados através de um levantamento feito pelo jornal Folha de S. Paulo. A Bahia apresenta 58% de ocupação, índice que faz o estado ser o 12º entre os que mais apresentam mais leitos ocupados.
Em Salvador, a estimativa é que as UTIs fiquem totalmente lotadas em dez dias, caso não haja uma expansão da rede de atendimento. Ainda segundo o levantamento, o ranking conta com Pernambuco, Rio de Janeiro, Ceará e Roraima entre os que vivem a situação mais grave, com taxas de ocupação de vagas de UTI estaduais que variavam entre 100% e 93%. O número muda diariamente, de acordo com a liberação de leitos por alta médica e mortes.
Um dos primeiros a registrar colapso no sistema de atendimento a pacientes graves, o Amazonas continua em situação crítica, a despeito do recente apoio dado pelo governo federal. Relatos profissionais de saúde indicam que as UTIs da rede estadual em Manaus, a única cidade do estado com esse serviço, estão trabalhando na capacidade máxima.
Entre as capitais, já são oito as com índice acima de 90%. Além de Manaus, Recife, Rio de Janeiro, Fortaleza e Boa Vista, as cidades de São Luís, Belém e São Paulo também estão próximas a um colapso para o atendimento de pacientes graves.
Tecnologia do Blogger.