Parlamentar é presa após embarcar infectada com coronavírus em trem de Londres para a Escócia

Foto : Reprodução/Twitter

 Uma parlamentar do Reino Unido, Margaret Ferrier, foi presa ontem (4) após admitir que embarcou em um trem saindo de Londres para Glasgow, na Escócia, em setembro, sabendo que estava infectada com coronavírus. 

A viagem aconteceu no mesmo dia em que a congressista recebeu o diagnóstico positivo para a doença. A polícia de Londres não pôde fazer nada quando a situação ocorreu, há quatro meses, porque ainda não havia punições para quem não respeitasse a quarentena estando infectado.

As autoridades britânicas, porém, informaram o caso à Escócia, que abriu uma investigação criminal contra Margaret. A primeira-ministra do país solicitou que ela renunciasse ao cargo, mas ela negou. O próprio Partido Nacional Escocês a suspendeu após a recusa.

No dia 1º de outubro, a parlamentar publicou uma mensagem em suas redes sociais onde ela dizia que comunicou à polícia sobre a viagem e pede que outras pessoas não cometam o mesmo erro que ela para evitar a disseminação da Covid-19.

Tecnologia do Blogger.