Suspeito de matar médico confessa crime; venda de arma teria motivado

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

 Preso na tarde de ontem (28), em Feira de Santana, o suspeito pela morte do médico Andrade Lopes Santana teria confessado o crime. Segundo a polícia, ele era amigo da vítima.

O acusado, que também é médico, teve a prisão temporária decretada por 30 dias pela juíza titular da Vara do Júri de Feira de Santana após os investigadores suspeitarem do envolvimento dele.

Segundo o Bahia Notícias, o suspeito teria vendido uma 'Glock' para a vítima mas não queria entregar a arma. Andrade então havia pedido o dinheiro, cerca de R$ 9 mil reais, de volta e a motivação do crime teria sido uma desavença entre os dois.

Andrade Lopes, de 32 anos, havia desaparecido na segunda-feira (24), depois de sair de Araci, na região sisaleira, com destino a Feira de Santana. Natural do Acre, Andrade teve o corpo amarrado a uma âncora, também localizada pelos policiais. 

Tecnologia do Blogger.