Em ataque homofóbico, jovem sofre estupro coletivo e está em estado grave

Foto: Ilustrativa

 Um jovem de 22 anos de Florianópolis (SC) sofreu um brutal ataque homofóbico na última segunda-feira (31), cuja informação só fora divulgada pela polícia recentemente: ele foi estuprado por três homens e está em estado grave no hospital. 

Detalhes do caso não foram revelados, pois corre em segredo de justiça. De acordo com o site UOL, informações preliminares divulgadas pela polícia apontam que a vítima foi abordada pelos criminosos no centro da cidade. Durante o estupro, os suspeitos utilizaram objetos cortantes inseridos em seu ânus.

O atendimento inicial do caso foi feito pela Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) de Florianópolis e, em seguida, repassada para a 5ª Delegacia de Polícia da Capital. 

A polícia informou, em nota, de acordo com o UOL, que já tomou as providências necessárias e não vai se manifestar sobre o caso no momento. 

O caso está sendo acompanhado pela Comissões de Direito Homoafetivo e Gênero e do Direito da Vítima da OAB-SC, que divulgou uma nota repudiando o ocorrido.

Tecnologia do Blogger.