Em nova declaração, Rui Costa endurece posicionamento e nega Copa América na Bahia

 Governador justifica que Arena Fonte Nova está funcionando como hospital de campanha.

Foto: Divulgação/GOVBA

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), endureceu o seu posicionamento sobre a realização da Copa América no estado. Diferente de quando, anteriormente, havia dito que poderiam ser realizados os jogos, com a única exigência de que não haja público, agora o gestor anunciou que a Bahia não será sede do evento.

O dirigente lembrou, em um vídeo enviado à imprensa ontem (31), que na Arena Fonte Nova está funcionando um hospital de campanha para o tratamento de pacientes com o coronavírus, o que impede que a copa aconteça na Bahia. “O estádio, em função da pandemia, está provisoriamente ocupado com leitos de UTI. Portanto, aqui na Bahia, não poderão ocorrer jogos de qualquer copa em função do uso do estádio para salvar vidas humanas”, cravou.

O gestor finalizou o recado pedindo celeridade no envio de vacinas contra a Covid-19 ao governo federal. “Esperamos que o governo federal tenha empenho e dedicação e trabalhe para a chegada de vacinas rapidamente. Aqui na Bahia, a prioridade é salvar vidas humanas, continuar trabalhando e gerar renda para a população”, cobrou.

Tecnologia do Blogger.