Comer estes alimentos ajuda a controlar o peso e a pressão arterial

Foto: iStock

 "Incluir grãos integrais numa dieta saudável traz muitos benefícios à saúde", afirma em declarações à CNN a cientista Nicola McKeown, autora do estudo e membro da equipe de nutrição epidemiológica do Centro de Pesquisas em Nutrição Humana no Envelhecimento da Universidade Tufts, em Boston, nos Estados Unidos.

Ingerir pelo menos três doses diárias de grãos integrais pode auxiliar a controlar o peso e os índices recomendáveis de açúcar e pressão no sangue. Sendo que uma porção de grão integral equivale a uma fatia de pão integral, meia xícara de de arroz/massa integral ou de aveia.

A pesquisa publicada na revista científica Journal of Nutrition, acompanhou 3.100 pessoas na casa dos 50 anos, em intervalos de 4 anos, durante um período de 18 anos. Monitorando alterações nos hábitos alimentares com o passar do tempo. 

De acordo com a CNN, ao serem comparados com aqueles que ingeriam meia porção de grãos integrais, os indivíduos que consumiam diariamente três ou mais porções do alimento registaram um menor aumento na zona abdominal e uma redução superior nos níveis de triglicéridos a cada 4 anos. 

Os investigadores detectaram igualmente um aumento menor nos índices de açúcar no sangue e na pressão arterial entre os voluntários que comiam regularmente grãos integrais, inclusive quando se registou um crescimento na circunferência abdominal.

McKeown acredita que gerir esses fatores de risco pode contribuir para a prevenção de patologias cardíacas.

Devido ao seu elevado teor em fibras, os grãos integrais estimulam a sensação de saciedade, o que por sua vez contribui para a redução da ingestão excessiva de alimentos e de calorias.

"Adicionalmente, o magnésio, o potássio e os antioxidantes presentes nesses grãos contribuem para diminuir a pressão sanguínea", explica Caleigh Sawicki, outra autora do estudo. 

A especialista indica ainda que as fibras solúveis podem também controlar os picos de glicose no organismo após as refeições.

Tecnologia do Blogger.