Pedreiro estrangula jovem de 25 anos e concreta corpo em parede de obra

Foto: Arquivo Pessoal

 Um crime brutal contra uma jovem de 25 anos chocou moradores da cidade de São Vicente, no litoral de São Paulo. Joice Maria da Glória Rodrigues estava desaparecida pouco mais de uma semana. Ela foi vista pela última vez depois de visitar o avô. Nessa terça (5), no entanto, o corpo dela foi encontrado concretado dentro de uma parede em um imóvel em construção.

Joice morava com o esposo e duas filhas. Ela foi visitar o avô em 27 de setembro e não foi mais vista. Com o registro do desaparecimento, a Polícia Civil iniciou os trabalhos de investigação. A equipe apurou que a jovem esteve na rua do imóvel em construção e foram até lá.

Segundo a Polícia Civil, informações davam conta de que Joice teria encontrado um pedreiro no local. Inicialmente, o homem disse ter conversado com a jovem no local e que ela saiu depois.

Local onde o corpo da Joice foi encontrado - Foto: G1

O responsável pela obra também foi questionado a respeito de paredes recém erguidas no local. Ele disse não ter notado nada diferente, mas no dia seguinte se deu conta de uma parede construída debaixo de uma escada. A testemunha notou que o reboco estava mal feito e, ao tocar na estrutura, sentiu um forte odor saindo de dentro da parede.

Foi então que o proprietário acionou as autoridades, que contaram com a ajuda do Corpo de Bombeiros para remover o corpo de Joice da parede. Ela foi estrangulada e tinha uma camiseta preta ao redor do pescoço, além de estar nua.

Os policiais foram até a casa do pedreiro e o prenderam em flagrante por ocultação de cadáver. Ele confessou o crime e revelou a participação de um comparsa, que também foi preso. Os dois permanecem à disposição da Justiça. Até o momento não se sabe o que levou a dupla a assassinar a jovem. O caso segue em investigação.

Tecnologia do Blogger.