Novo surto de coronavírus na China resulta no confinamento de estudantes


Foto: Reprodução / Unplash

 Novo surto de coronavírus na China, resultou no confinamento de cerca de 1.500 estudantes universitários em seus dormitórios e hotéis na cidade de Dalian, no nordeste do país. Após dezenas de casos relatados na cidade universitária de Zhuanghe, a ordem foi emitida ontem (14.nov) e os estudantes foram transferidos para observação. Os alunos frequentam as aulas remotamente e suas refeições são entregues em seus quartos. 

A China adotou o bloqueio, o exemplo mais recente da abordagem de tolerância zero para evitar o surto, que causou uma perturbação considerável na vida e no sustento das pessoas. O novo padrão do páis inclui quarentena, testes obrigatórios e restrições de viagem. 

Além das novas medidas, Pequim a partir de 4ª feira (17.nov) exigirá que todas as pessoas que chegam de outras partes do país de avião, trem, ônibus ou carro apresentem um teste de vírus negativo feito nas 48 horas anteriores.

A taxa de vacinação do país está entre as mais altas do mundo e as autoridades começaram a administrar doses de reforço à medida que o inverno chega. Mesmo com os casos isolados, a China foi capaz de suprimir grandes surtos no ano passado, com seu número total de casos notificados de 98.315 com 4.636 mortes.

Em boletim recente, a Comissão Nacional de Saúde anunciou 32 novos casos de transmissão local nas 24 horas anteriores, 25 deles em Dalian.

Tecnologia do Blogger.