Grávida martela prego na testa após dica de curandeiro para ter menino

Foto: Reprodução/Global Youth Sounds

 Na última quarta-feira (09), autoridades da cidade paquistanesa de Peshawar iniciaram as buscas por um falso curandeiro que aconselhou uma mulher grávida a martelar um prego na testa para que pudesse dar à luz um menino.

De acordo com o neurologista Haider Suleman, que tratou a vítima no Hospital Lady Reading, embora o prego tenha penetrado o crânio da mulher, não atingiu o cérebro.

"Ela disse que uma outra mulher de sua localidade fez o mesmo [martelou um prego na testa] e deu à luz um menino, embora o ultrassom tenha mostrado que o feto era uma menina", declarou Suleman à agência de notícias paquistanesa Dawn.

O caso chamou a atenção das autoridades depois do raio x da vítima. A polícia examinou o conteúdo para o caso.

"Uma equipe especial foi montada para levar à Justiça o falso curandeiro que brincou com a vida de uma mulher inocente e a fez colocar um prego em sua cabeça, com uma falsa promessa de que ela teria um filho do sexo masculino", escreveu no Twitter o chefe de polícia local, Abbas Ahsan.

Não ficou claro se a mulher martelou o prego em sua própria cabeça ou se teve ajuda. Mas, de acordo com Suleman, o fato ocorreu na casa da grávida. À agência Dawn, a equipe do hospital contou que, segundo a mulher, seu marido estava descontente porque não teria um menino e ameaçou deixá-la.

Tecnologia do Blogger.