Polícia Civil localiza mulher que abandonou filha recém-nascida no Mercado de Artes de Serrinha (BA)

A criança  foi encontrada pela auxiliar de limpeza - Foto: Reprodução

 Foi encontrada a mulher que abandonou a filha recém-nascida no banheiro do Mercado de Artes de Serrinha na manhã de quinta-feira (17). Segundo o Portal Cleriston Silva, a mulher, que não teve o nome divulgado, reside no povoado Malhada Grande, na zona rural de Teofilândia, e foi localizada por volta das 16h de ontem (terça-feira,22).

A ação foi realizada por equipes do Serviço de Inteligência (SI) das delegacias de Araci e Teofilândia, sob comando do delegado Hidelbrando Alves da Silva, e só foi possível porque a Polícia Civil e o Conselho Tutelar encontrarem o nome da mãe na pulseira do hospital que o bebê tinha no braço. No acessório de identificação consta a informação que ela nasceu um dia antes de ser abandonada – 16 de fevereiro, às 10h25.

A criança estava enrolada em um pano e foi encontrada pela auxiliar de limpeza, Marlene Nery. "Ela estava com calça comprida, luva, touca e toda enrolada. Ela [a mãe] botou [a criança] no chão. Nunca ia imaginar que fosse encontrar uma criança abandonada no banheiro", relatou. A criança foi levada para um abrigo da cidade e deve ficar até uma decisão da Justiça. Ela é acompanhada pelo Conselho Tutelar.

Ainda segundo a reportagem, a avó da criança abandonada afirmou à polícia que não sabia que a filha dela estava grávida e que nunca imaginou que ela poderia ser capaz de abandonar a filha recém-nascida. "Ela disse que tinha ido fazer uma cirurgia de queimação de útero", afirma a avó.

A avó e uma tia da recém-nascida prestaram depoimento à Polícia Civil. Já a mãe estava muito debilitada física e psicologicamente e não foi conduzida para a Delegacia. O Conselho Tutelar informou que ela pode ser responsabilizada por abandono de incapaz e perder a guarda da criança. A polícia ainda não disse se a mãe será presa.
Tecnologia do Blogger.