VÍDEO: Em entrevista ao SBT, mulher de personal trainer diz que não traiu o marido com 'mendigo'; veja detalhes


Foto: Reprodução

"Não escolhi ser humilhada, ser exposta, não teve empatia no meu caso", diz Sandra Mara Fernandes. A mulher, de 34 anos, que, durante um surto psicótico, teve relações sexuais com Givaldo Alves, um homem, até então, em situação de rua. O episódio ocorreu em 9 de março de 2021, no Distrito Federal. Nesta 5ª feira (28.abr) ela falou com exclusividade ao SBT Brasília.

Sandra, que veio de Minas Gerais, e mora em Brasília há 12 anos, disse que por conta dos efeitos colaterais do remédio que vem tomando, ainda não se recuperou completamente. "Estou tentanto me restabelecer. Tenho muitos efeitos colaterais do remédio e por isso demorei tanto para aparecer." Ela foi diagnosticada com transtorno afetivo bipolar, que, com a evolução, gerou o surto psicótico.

"Jamais imaginava que iria acontecer comigo e muito menos que eu tinha alguma doença. Para mim, eu era uma pessoa 'normal', agora vou precisar tomar o remédio para o resto da vida para não acontecer novamente", destaca Sandra em entrevista exclusiva ao SBT Brasília.

Durante o tratamento, Sandra ressaltou a saudade da filha de seis anos e detalhou o que sentiu após o ocorrido. "Ficar longe da minha filha foi que o pesou. [...] Foi uma adaptação muito dolorida. Sou uma mulher muito independente, me vi sendo cuidada e presa, não é boa a sensação de perder o controle", afirma. 

Sobre a repercussão do caso, Sandra destaca que não aceita mais que Givaldo Alves fale sobre a situação. "Eu tive que procurar ajuda no Judiciário para parar este cidadão. Já falou demais e já me expôs o suficiente. Não aceito mais, não é a minha verdade. Não sou essa personagem", diz.

Agora, Sandra afirma que quer reestruturar sua família, cuidar da sua filha e seguir com sua loja de roupas. "Através de acompanhamento, de tratamento, eu posso ter uma vida normal para cuidar do meu marido, da minha de seis anos. [...] Quero continuar trabalhando com roupas, que é o que eu gosto, desfiz a minha loja física, mas vou continuar com a online", afirma.

Assista:


Tecnologia do Blogger.