Dia do Gari: A importância da classe para sociedade

Garis limpando ruas em Serrinha - Foto: Kito Brito

 Responsáveis por manterem a limpeza das cidades, os garis são profissionais que merecem todo o respeito por parte da população. No Brasil, infelizmente estes trabalhadores ainda não recebem o devido respeito e visibilidade que merecem.

Para evidenciar a importância da classe, o dia 16 de maio foi escolhido para homenagear estes profissionais. O termo “gari” surgiu em homenagem ao francês Pedro Aleixo Gary, que se destacou no Brasil como o responsável pela fundação da primeira empresa de coleta de lixo nas ruas do Rio de Janeiro, em 1976.

No início, o trabalho da organização era promover a limpeza nas ruas e praias da cidade do Rio de Janeiro. O trabalho foi dando tão certo que, naturalmente começou a se expandir para as demais cidades.

O trabalho do gari passou por algumas modificações desde que foi criada, como a criação da reciclagem e possibilidade de reciclar alguns materiais descartados no lixo que deu início à coleta seletiva. Vidros, papéis, plásticos e metais agora podem ser separados para que sejam reaproveitados como matéria prima na concepção de outros objetos.

 Além de a profissão precisar de mais reconhecimento, também é necessário ter consciência e facilitar o dia a dia desses profissionais. O que significa não jogar lixo em lugares inadequados, separando vidros em locais adequados, a fim de prevenir o acúmulo de sujeiras que levam a proliferação de doenças e acidentes.  

Compreender a importância de cada profissional em sociedade é demonstrar respeito e entender que cada um contribui de diferentes formas para que o cotidiano de todos seja melhor. Por essa razão, o Dia do Gari evidencia a função de uma das profissões fundamentais para a manutenção da limpeza e conservação da cidade.

"Parabéns, Garis!"

Tecnologia do Blogger.