Anvisa aprova importação de vacina e antiviral contra varíola dos macacos

 Não há previsão para a vacinação da população em geral; as doses serão destinadas a profissionais de saúde

Foto: Reprodução/Freepick

Após pedido do Ministério da Saúde, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, na última quinta-feira (25), a importação do imunizante e do antiviral contra a varíola dos macacos. Não há previsão para a vacinação da população em geral. As doses serão destinadas a 25 mil profissionais de saúde que tiveram contato direto com o vírus. 
 
Ainda não há registro para eles junto à Anvisa, mas, por conta da emergência internacional de saúde pública, o órgão autorizou a dispensa à pedido do ministério. 

A vacina importada será a Jynneos, conhecida como Imvanex na Europa. Ela é fabricada pela Bavarian Nordic e é indicada para adultos a partir dos 18 anos de idade. O prazo de validade é de 60 meses, quando conservada entre -60°C e -40°C.
 
O Ministério da Saúde está aguardando o envio de 50 mil doses da vacina, adquiridas através do fundo rotatório da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). Também foi aprovada a importação do tecovirimat, antiviral indicado para tratamento em adultos, adolescentes e crianças com peso mínimo de 13 kg.

Tecnologia do Blogger.