Brasil tem segunda morte por varíola dos macacos

 O paciente tinha 33 anos e estava internado em um hospital na cidade de Campos dos Goytacazes (RJ).

Foto: Reprodução/Getty Images

O segundo caso de morte por varíola dos macacos no Brasil foi confirmado na última segunda-feira (29), no Rio de Janeiro. A segunda vítima tinha 33 anos e estava internada no Hospital Ferreira Machado, na cidade de Campos dos Goytacazes (RJ).

De acordo com a Secretaria de Saúde do município, o paciente já tinha baixa imunidade e comorbidade, o que agravou o quadro de Monkeypox. Ele chegou a ser transferido para um leito de UTI no último dia 19, mas veio a óbito na segunda-feira (29). 

Até então, apenas um óbito no país havia sido registrado, em Minas Gerais, em 29 de julho. O paciente era um homem de 44 anos,  com câncer e baixa imunidade, quadro que foi agravado pela varíola dos macacos.

A Bahia já registrou 52 casos de monkeypox, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). A capital baiana é a cidade com maior registro de casos, com 38. Os outros municípios com registro da doença são: Lauro de Freitas e Santo Antônio de Jesus, com 2 casos cada; Cairu, Conceição do Jacuípe, Feira de Santana, Ilhéus, Itabela, Juazeiro, Maracás, Mutuípe, Teixeira de Freitas e Xique-Xique, com 1 caso cada. Além dos confirmados, a Bahia tem 95 casos suspeitos que aguardam diagnóstico laboratorial. 

Tecnologia do Blogger.