Câncer avança e Pele precisará de cuidados cardíacos e renais

 Pelé está internado há 24 dias. Os médicos têm atenção especial a "disfunções renal e cardíaca".

Foto: Reprodução/ Instagram

Um novo boletim médico, divulgado na última quarta-feira (21), indica que o quadro médico de Pelé exige cuidados maiores.  Ele apresenta “progressão” de seu câncer oncológico, segundo Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde deu entrada em 29 de novembro para uma reavaliação do tratamento por quimioterapia. Os médicos têm atenção especial a "disfunções renal e cardíaca".

Diante desse cenário, o Rei do Futebol vai passar o Natal no hospital, segundo suas filhas. "Nosso Natal em casa foi suspenso. Decidimos com os médicos que, por várias razões, é melhor ficarmos por aqui mesmo", publicou Kelly Nascimento em seu Instagram.

Pelé está há 24 dias internado. Até esta terça-feira, eram nove dias sem notícias sobre sua saúde. 

Confira boletim médico na íntegra

A íntegra do boletim médico: Internado desde 29 de novembro para uma reavaliação da terapia quimioterápica para tumor de cólon e tratamento de uma infecção respiratória, Edson Arantes do Nascimento apresenta progressão da doença oncológica e requer maiores cuidados relacionados às disfunções renal e cardíaca. O paciente segue internado em quarto comum, sob os cuidados necessários da equipe médica.

Tecnologia do Blogger.