Cultura popular da Bahia perde um grande representante

 Antônio Queiroz morreu na noite da última sexta-feira (09).

Foto: Arquivo Pessoal

Morreu na noite da última sexta-feira (09), o grande poeta e cordelista Antônio Queiroz, aos 65 anos.

Antônio Queiroz nasceu em fevereiro de 1957, na Fazenda Ladeira, município de Serrinha-BA, atualmente povoado de Barrocas. Foi criado na roça, trabalhando na agricultura do sisal. Iniciou sua trajetória profissional como cantador e cordelista em 1976, cantando com Zé Pedreira e, logo depois, passou a comandar programas de repentes, na rádio difusora de Serrinha.

Obras publicadas 

- A mãe ingrata e a vaca protetora 

- ABC dos grandes ídolos que o Brasil não esquece

- Discussão do sol com a chuva

- Galope na beira do mar

Tecnologia do Blogger.