Confira as ocorrências policiais de Serrinha divulgadas hoje (16) pelo 16º BPM

  As ocorrências foram registradas nas seguintes localidades: Vaquejada, Cidade Nova, Santa, Residencial Serrinha e Abóboras.

Sede do  16° BPM em Serrinha - Foto: Arquivo/PAP

Polícia Militar do 16º BPM, divulgou nesta segunda-feira, 16 de Janeiro de 2023, as últimas ocorrências policiais registradas em Serrinha (BA). Confira!

Bairro Vaquejada - Maria da Penha

Por volta das 13h31 de sexta-feira (13), a guarnição foi acionada pelo CICOM para atender uma ocorrência de agressão a mulher na quadra 10, rua C. Ao  chegar ao local, fez contato com a solicitante, que se encontrava no referido endereço, o mesmo do acusado. Ao perguntar sobre o que ocorrera, foi respondido que ambos haviam feito uso de bebidas alcoólicas, desentenderam-se e houve agressão mútua. Em razão da situação, ambos foram conduzidos até a Delegacia de Polícia, onde foram apresentados à autoridade competente, para adoção das medidas cabíveis.

Bairro Cidade Nova - Lesões corporais/Ameaça/Maria da Penha

Por volta das 22h37 de sexta-feira (13), por determinação do CICOM, a guarnição se deslocou até o bairro da Cidade Nova, no Residencial Serrinha, para averiguar uma situação de lesões corporais. No local, em  contato com a vítima, esta afirmou que teria sido agredida pela sua companheira. O homem afirmou ainda que teria sido esfaqueado na mão. No local, também se encontrava a acusada, que disse ter sido agredida com socos e ameaças pelo solicitante e que ela utilizou a faca para se defender. Diante de tal situação, ambos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia, para que fossem adotadas as medidas cabíveis.

Bairro Santa - Lesões corporais/Ameaça/Maria da Penha

Por volta das 03h30 de sábado (14), a guarnição, em  rondas no bairro da Santa, foi  abordada  pela vítima, que afirmou que seu companheiro a teria agredido com socos e empurrões, deixando-a com várias lesões no corpo. O acusado também estava no local e afirmou que sua companheira o agrediu com arranhões. Diante dos fatos, foram conduzidos os envolvidos para a Delegacia de Polícia, para adoção das medidas cabíveis. 

Bairro Vaquejada - Acidente de veículo 

Por volta das 12h25 de sábado (14), a  guarnição foi solicitada por populares, que informaram que houve um acidente de trânsito na rotatória sentido Serrinha/Feira de Santana. A guarnição se deslocou até o local, onde encontrou a vítima caída ao solo, porém sendo atendida por prepostos do SAMU. Apresentava algumas escoriações pelo corpo. A motocicleta que o homem conduzia foi retirada do local. O veículo que colidiu com ele evadiu do local. Após os primeiros socorros, a vítima foi conduzida ao Hospital Municipal.

Bairro Residencial Serrinha - Ameaça

Por volta das 16h55 de sábado (14), a guarnição foi solicitada pelo CICOM para verificar ocorrência de ameaça no endereço supracitado. Chegando ao local, a guarnição foi recebida pela vítima, que relatou ter emprestado seu tanquinho de lavagem para sua vizinha  e, ao devolver o objeto, notou que existia uma avaria no botão. A vizinha se recusou a custear os danos e o seu companheiro proferiu ameaças contra a vítima. Após esse relato, o acusado apareceu na frente da residência, negando as ameaças. Diante dos fatos, todos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia, para formalização de ocorrência. 

Bairro Abóboras - Atentado violento ao pudor

Por volta das 19h00 de sábado (14), ao realizar rondas de rotina no bairro Abóboras, a guarnição foi acionada por uma mulher, que pediu apoio, afirmando que acabara de encontrar o acusado da tentativa de estupro da sua filha menor de idade. Alguns metros à frente, o acusado estava contido por populares e negou conhecer a solicitante da ocorrência e sua filha. Posto isso, com o exaltar dos ânimos dos envolvidos, todos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia, para adoção das medidas cabíveis. Já na Delegacia, a solicitante relatou nova informação, afirmando que a situação em questão havia acontecido no ano de 2019 e que ela havia conhecido o acusado em uma festa, levando-o para sua casa. No meio da noite, foi surpreendia por gritos de socorro do quarto da filha, que na época tinha 13 anos. Assustada, expulsou o acusado da residência e não registrou queixa. A suposta vítima, por sua vez, relata que acordou por sentir que alguém tentava tapar sua boca, mas que nada além havia sido consumado. Tendo em vista o registro tardio do fato, o delegado plantonista orientou os envolvidos e fez uma comunicação não-delituosa.

Fonte: Ascom do 16° BPM

***

Siga @serrinhabahia1876 no Instagram e fique por dentro de tudo que acontece na cidade.

Tecnologia do Blogger.