Declaração de ministro da Defesa causa desconforto em coletivo de juristas apoiadores de Lula

 José Múcio afirmou que movimentações bolsonaristas eram democráticas.

Foto: José Cruz/Agência Brasil

A declaração do ministro da Defesa José Múcio Monteiro de que via os acampamentos bolsonaristas como “manifestação da democracia" não foi bem recebida por integrantes do coletivo de juristas Prerrogativas, que  apoia o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em contato com a coluna da jornalista Juliana Dal Piva, do Uol, um dos integrantes do grupo afirmou que “Não é e jamais foi uma manifestação democrática". 

Em coletiva de imprensa após cerimônia de posse, na segunda-feira (2), Monteiro afirmou a jornalistas que conhecia amigos e parentes que participavam dos atos. 

“Eu falo com autoridade porque tenho parentes lá. No de Recife, tenho alguns amigos aqui [Brasília]. É uma manifestação da democracia. A gente tem que entender que nem todos os adversários são inimigos, a gente tem até inimigos correligionários. Eu acho que daqui um pouquinho aquilo vai se esvair e chegar a um lugar que todos nós queremos", disse.

A nomeação do ministro foi recebida com críticas e receio por alguns grupos, como o Prerrogativas, e diferentes setores do PT dada a sua proximidade com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). 

Tecnologia do Blogger.