Vacina contra Covid será anual para grupo de risco, diz novo governo

 Idosos, imunossuprimidos e profissionais de saúde serão principais alvos da imunização.

Foto: Reprodução/Google Imagens

A vacina contra a Covid-19 será aplicada anualmente nas pessoas que fazem parte do grupo de riscos como os idosos, imunossuprimidos e profissionais da saúde, entrando para o calendário de imunização anual. 

Ethel Maciel, secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde, conta que a ideia é começar a campanha de imunização anual contra a Covid-19 nas pessoas do grupo de risco em abril, para que o governo possa se planejar nos 100 primeiros dias. A imunização será feita juntamente com a campanha de vacinação da gripe e abrangerá as pessoas dos mesmos grupos prioritários.

'Agora, efetivamente, a Covid entra no nosso Departamento de Imunização. O ministério acabou de receber uma compra grande de doses que, a princípio, daria para cobrir esses grupos prioritários'', disse Ethel Maciel, secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde.

''A ideia é que a campanha siga os mesmos grupos prioritários da gripe, que são os mais vulneráveis, como os profissionais de saúde, imunossuprimidos, idosos. A pricípio, será uma dose de reforço com a vacina bivalente'', explicou Ethel.

Segundo a secretária, o novo governo está empenhado em vacinar a população, e pretende unir várias pastas para que a taxa de imunização volte a crescer no país, além disso o governo pretende voltar com a campanha de imunização nas escolas e fazer com que a vacinação seja uma das determinações para receber auxílios federais.

Tecnologia do Blogger.